JEEP CLUBE RN

No dia 22 de fevereiro de 1984 foi fundado o Jeep Clube do Rio Grande do Norte, concretizando a ideia dos jornalistas Aldemar de Almeida e Silva e Roberto Guedes da Fonseca. Foi a primeira associação do gênero em nível estadual, pois só existia do Jeep Clube do Brasil, fundado um ano antes na cidade de São Paulo.

Para se tornar realidade, o projeto contou com o apoio do empresário e jornalista Nelson de Almeida Filho, um dos fundadores do Jeep Clube do Brasil, que inclusive cedeu a logomarca do Jeep para ser utilizado pela nova entidade, comprovando desta forma que o espírito do jipeiro deve estar balizado pelo altruísmo e muita união.

A reunião de fundação aconteceu no Moto Clube, que funcionava em um bar na praia do meio. Naquela noite jogava em Natal o Fluminense do Rio de Janeiro em partida válida pelo Campeonato Brasileiro. Mesmo assim, a reunião que criou o clube contou com a participação de 23 jipeiros.

A fundação foi bastante divulgada nas páginas esportivas de todos os jornais de Natal – Diário de Natal, Tribuna do Norte, O Poti e A República. O primeiro presidente, empossado na mesma noite foi o advogado José William, já falecido. Logo em abril daquele ano foi realizado o primeiro “Batismo” de jipeiros, que teve como vencedor Tony Cavalcanti. Não demorou muito tempo para o clube promover o I Jeep Show, trazendo a Natal dois ícones do cenário off road do País – Carlos Probst e Tito Rosemberg – e os jornalistas Nelson de Almeida Filho, da então revista 4x4 & Pickup e Mônica Saraiva, fabricante de roda livre AVM.

O Jeep Clube-RN foi a semente para o movimento off road se organizar em várias cidades do Nordeste, alguns meses depois, como Areia e João Pessoa, na Paraíba; Recife, em Pernambuco e Fortaleza, no Ceará.

Este Clube é regido pelo ESTATUTO SOCIAL que pode ser acessado pelo link https://goo.gl/XdymKY